Cansar o cão? Como?

Inventaram-se exercicios de “auto-controlo”, exercicios de “foco”, mil e uma formas de “cansar o cão” e esqueceram-se que há comportamentos muito naturais que os cães têm (e necessitam) que funcionam muito melhor do que qualquer invenção humana. Roer é um deles, é um comportamento básico e muito natural nos cães.

Por vezes quando digo a alguns clientes que deixem o cão roer, acham estranho! Será por haver tanto lixo espalhado pela internet? Para quê complicar e ir “dar a volta ao bilhar grande”, quando temos tudo o que faz falta mesmo ali à nossa frente?

Um cão calmo não precisa de nenhum exercicio de foco, nem auto controlo nem que o cansem, um cão calmo está num estado mental que lhe permite aprender, pensar e perceber exactamente o que queremos, como qualquer ser senciente. Um cão calmo consegue-se com uma relação equilibrada, sem sobre excitação, com respeito, com educação, com as necessidades básicas preenchidas, não a fazer exercicios para controlar e condicionar comportamentos.

A foto que acompanha o texto é de um cão stressado que começou a roer artigos naturais que existem no mercado, (não brinquedos de borracha). Podem dar aos vossos cães osso do fémur ou da tibia, SEMPRE CRÚS OU CONGELADOS, NUNCA COZIDOS e proporcionais ao tamanho do cão. Se forem cozidos perdem a resistência, lascam e essas lascas depois de ingeridas são muito perigosas. Podem dar corno de búfalo, patas de galinha, nervo de boi, orelhas de porco, orelhas de coelho (tudo seco) e até raíz de Urze.

Se por acaso o cão roer tudo em poucos minutos, pode significar uma de duas coisas:

1 – O tamanho não era proporcional ao tamanho da boca do cão. Isto resolve-se trocando para um tamanho proporcional.

2 – O nível de stress do cão é tão elevado que não consegue sequer relaxar. Convém por isso adicionar mais algumas tarefas, SEMPRE TRANQUILAS, como trabalho de nariz e continuar a fornecer produtos que o cão possa roer.

Exercicios e situações que excitem ou sobre excitem o cão, como atirar bolas, perseguir objectos, exercicio induzido, não são de todo aconselhados e em caso de dúvida procurem um profissional que não use teorias de “cansar o cão”, “exercicios de foco” e outras…

Mas não posso brincar com o meu cão?

Pode e deve, sem sobre excitação e um curto periodo de tempo. Além disso os cães preferem a companhia, nem que seja a caminhar tranquilamente, a estar a fazer alguma coisa. Em algum momento da história nos começaram a vender a ideia de que temos de estar constantemente a fazer alguma coisa com os cães de forma a criar vinculo, etc. Essa é uma ideia muito errada.

João Pedro – Educador Canino

Mania dos Cães – Educação e Treino Canino